Panasonic diminui jornada de trabalho para quatro dias no Japão

A japonesa Panasonic anunciou que diminuirá a sua jornada de trabalho para quatro dias na semana. A ideia é oferecer aos funcionários três dias de descanso, ao invés do usual, que consiste em cinco dias de trabalho para dois dias de descanso, ou seis dias de trabalho para um só de descanso, de acordo com empresa e local de trabalho.

A decisão veio através de recomendações do governo do Japão, que entende que a redução de carga horária pode gerar aumento de produção, redução de custos e melhora na economia.

Assim, ainda de acordo com o governo japonês, o dia a mais de descanso faz com que os funcionários passem mais tempo dedicados ao lazer e família, além de se dedicarem mais a capacitação, e até possam consumir mais, em questões que podem passar por educação, alimentação e entretenimento.

Além disso, o dia a mais de folga pode melhorar a saúde mental dos trabalhadores. “Nós queremos apoiar o bem-estar de nossos funcionários”, explicou o CEO da Panasonic, Yuki Kusumi, em comunicado aos investidores da companhia de eletroeletrônicos.

A Panasonic pretende dar aos trabalhadores mais tempo para que sigam seus interesses pessoais e sejam mais felizes, quer seja em trabalho voluntário, um trabalho paralelo, ou simplesmente gastando o seu tempo com assuntos pessoais.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-estar do Japão, apenas 8% das empresas oferecem mais de dois dias de folga na semana.

Entre elas estão a Yahoo Japan e a Sompo Himawari Life Insurance que começaram a oferecer um terceiro dia de folga em 2017 para funcionários que precisam cuidar de seus filhos ou familiares idosos.

“Devemos apoiar o bem-estar de nossos funcionários”, disse o presidente e CEO do grupo Yahoo!, Yuki Kusumi.

Empresas que reduziram a jornada de trabalho perceberam que houve aumento de produtividade. No Reino Unido, foi notado que 60% das empresas que também reduziram a jornada, viram a produtividade aumentar. Além disso, o consumo de energia também diminuiu.

%d blogueiros gostam disto: