Película de privacidade evita que curiosos vejam sua tela

Todos já presenciaram, ou viveram, a seguinte situação: ao usar o smartphone em um local como um ônibus, alguém “estica o pescoço”, querendo saber o que a pessoa está fazendo. Este é só um de vários exemplos de “curiosos” de olho no que as pessoas fazem com seus dispositivos.

Para que pessoas possam usar celulares sem “pescoços esticados” por perto, um item tem ganhado popularidade: a película de privacidade. Além de proteger a tela, como todas as películas já fazem, ela tem uma tecnologia extra que impede a visão lateral, deixando os curiosos olharem apenas uma tela escura.

Já são vários dispositivos compatíveis com tal produto, como o iPhone 13, o Galaxy S21 e o Moto G9. A tecnologia é a mesma dos displays de caixas eletrônicos, que permite que só quem esteja “de frente” veja o que está no visor. Ela permite a visualização de tela apenas em um ângulo de 90 graus, que se resume a quem está vendo de frente.

Em uma visão de 60 graus lateral, o visor vai ficando mais escuro, e se visto em um ângulo de 30 graus, a tela fica escura, como se o dispositivo estivesse desligado.

Há algumas opções de películas neste sentido, mas as mais conhecidas são as feitas pela 3M, com preço médio de R$ 170, além de opções mais baratas com preços a partir de R$ 50.

%d blogueiros gostam disto: