Em nova reinvenção, Supla passa dos 100 mil para mais de 700 mil seguidores no Instagram

O cantor Supla, que é conhecido por sempre se reinventar e se adaptar aos novos tempos, conseguiu alavancar sua carreira mais uma vez. Em 2021, o cantor, de 55 anos, passou de de 100 mil para 738 mil seguidores no Instagram, ganhando dinheiro com a rede social, em trabalhos publicitários que vão de anúncios de bancos a biscoitos.

“Consegui me reinventar. A situação estava difícil, a gente ficou dois anos sem poder fazer shows e agora tudo foi cancelado de novo. Foi muito lucrativa minha reinvenção. Passei a ser influencer, as pessoas me pedem para fazer propaganda, várias marcas, um monte de coisa. Fiz uma campanha sobre como fazer visto de imigração em outro país. Tive sorte, porque viralizou um vídeo em que eu dava um golpe na cara de um repórter (numa brincadeira). Fui de 100 000 e poucos seguidores para quase 800 000. Não fosse isso, talvez eu tivesse morrido na praia, como muitos artistas”, disse ele à “Veja São Paulo”.

No início dos anos 2000, o cantor também conseguiu reimpulsionar a sua carreira, iniciada nos anos 80, participando do programa Piores Clipes do Mundo, da extinta MTV Brasil, apresentado por Marcos Mion. No ano seguinte, participou da Casa dos Artistas, no SBT, sendo um dos personagens mais queridos do programa. Aproveitando o sucesso, lançou o CD Charada Brasileiro, que fez boas vendas.

Mas além do trabalho de “influenciador”, Supla estuda, para enfim, trabalhar na política, funções que seus pais sempre executaram, mas que o cantor jamais se aventurou.

“Tenho conversado (dentro do PT). Existem chances, mas são de média a baixa. Seria muito legal poder ajudar mais as pessoas, mas tenho medo de que prejudique a carreira”.

%d blogueiros gostam disto: