Bolsonaro e Boris Johnson conversam por telefone sobre Ucrânia. Ambos pedem cessar-fogo imediato.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, conversou por telefone com Boris Johnson, o primeiro-ministro do Reino Unido. O tema da conversa foi a situação de guerra na Ucrânia, que segue invadida pela Rússia, com uma nota britânica afirmando que ambos concordam com a exigência de um cessar-fogo imediato na região.

“Os líderes concordaram com a exigência de um cessar-fogo urgente na Ucrânia e disseram que a paz tem que prevalecer”, informou o governo do Reino Unido

Além disso, a nota também afirma que Johnson lembrou que o Brasil foi um “aliado vital na Segunda Guerra Mundial”, com o país sendo “crucial neste momento de crise”. Na Segunda Guerra, o Brasil rompeu relações com o Eixo em 1942, enviando 25 mil soldados para a Itália, para lutar com os Aliados contra o regime de Mussolini e os nazistas.

Já sobre a invasão russa na Ucrânia, o Brasil votou a favor de uma resolução da ONU que repreendeu a operação militar. A resolução cobra de Moscou a retirada imediata de todas as forças do território vizinho.

A invasão russa na Ucrânia já conta com uma semana de conflitos, com cerca de dois mil civis mortos, e um milhão de cidadãos ucranianos refugiados em países vizinhos como a Polônia, Hungria e Moldávia. O Brasil também ofereceu, nesta semana, visto humanitário a refugiados ucranianos.

%d blogueiros gostam disto: