A partir de agora, enviar nudes sem solicitação no Reino Unido é crime

Um pacote de leis de segurança digital foi aprovado no Reino Unido. E, entre as novas leis, foi aprovada a criminalização do “cyberflashing”. Isso quer dizer que, em breve, enviar fotos de uma pessoa totalmente nua para outra sem solicitação e consentimento será crime.

No texto, o ato do cyberflashing será configurado quando “pessoas enviam imagens sexuais não solicitadas via redes sociais ou aplicativos de namoro, mas também por compartilhamentos via Bluetooth ou Airdrop”.

O envio de nudes não solicitados será um dos novos crimes da Online Safety Bill, legislação de proteção de dados e privacidade online, válidos em todo o Reino Unido.

Pesquisa do governo britânico de 2018 mostrou que quatro em cada dez mulheres, entre 18 e 34 anos, receberam alguma imagem sexual não solicitada. Já outro estudo, da Tes Magazine, afirmou que 76% das entrevistadas, de idades entre 12 e 18 anos, receberam imagens desta natureza ao menos uma vez, principalmente no Snapchat.

No texto, consta que “mandar fotos ou vídeos dos genitais de uma pessoa para o propósito de gratificação sexual própria ou causar humilhação, alerta ou preocupação na vítima” pode gerar até dois anos de prisão. A revisão da lei deve ser publicada oficialmente ainda nesta semana.

%d blogueiros gostam disto: