Funcionários salvam pub mais antigo da Inglaterra, e bar de 1.200 anos é reaberto

O pub Ye Olde Fighting Cocks, que tem mais de 1.200 anos de vida, e é o pub mais antigo da Inglaterra, reabriu suas portas após seus funcionários agirem quando as portas do bar se fecharam, em fevereiro.

O bar, que viveu muito da história da humanidade, o que inclui a era dos Vikings e a Idade Média, além de várias guerras e pandemias, viveu grandes dificuldades pela covid-19. Mas, com o anúncio do final das atividades, a grande comoção com o local mobilizou algumas pessoas.

Christo Tofalli, porta-voz do antigo dono do pub havia avisado, um dia após o anúncio das dificuldades (em 8 de fevereiro) do local para a CNN, que haviam interessados em manter o pub em funcionamento. Menos de uma semana depois, em 14 de fevereiro, Tofalli anunciou que o pub deveria voltar a abrir suas portas, mas sem maiores informações.

“Tantas pessoas do mundo todo pedindo para ajudar a financiar nossa equipe para continuar com nossos planos. Muitos dizem que facilmente conseguiríamos arrecadar o dinheiro. É um bom pensamento, obrigada, mas minha consciência não se sente confortável em aceitar. Prefiro o inverso. O pub vai continuar com novos donos”, publicou no Twitter, na época.

De acordo com a BBC, Martin Robinson, o gerente do pub, e Ian Baulsh, o chef da cozinha, foram os responsáveis por tomar o controle do local, e mantê-lo aberto. Robinson trabalha no pub há 12 anos, e Ian está na cozinha do local há 8. Sam Walker, outro chefe de cozinha, também faz parte da nova sociedade, que manterá o Ye Olde Fighting Cocks aberto.

“Ian, Sam e eu estamos animados para levar o pub a este novo capítulo de sua história”, celebrou, após agradecer toda a dedicação do ex-chefe, Christo Tofalli, nas redes sociais.

O Ye Olde Fighiting Cocks foi fundado em 793 d.C., mas está situado neste endereço, ao lado da Catedral de St. Albans (onde a Carta Magna do Reino Unido foi escrita) desde 1539.

%d blogueiros gostam disto: